A sanfona

Considerada o símbolo do Nordeste Brasileiro, a sanfona é um dos instrumentos mais populares do Brasil, estando presente desde os shows de música sertaneja até nos simples arrasta-pé nordestinos. Basta um dedilhar numa sanfona para ela encher de sons o ambiente. Dela sai xote, baião, forró, entre outros ritmos musicais. Nesse artigo mostraremos as curiosidades desse magnífico instrumento musical.

Descendente do cheng, instrumento chinês criado há quase 5 mil anos, ela foi trazida pelos imigrantes Italianos e Alemães no início do século XX, entrando no Brasil pela região Sudeste, mais precisamente pelo estado de São Paulo. Nas diferentes regiões do país por onde passou o acordeom foi ganhando características locais e nomes diferentes. No Nordeste, o instrumento foi popularizado como Sanfona graças ao Rei do Baião, o inesquecível Luiz Gonzaga, que a eternizou através suas músicas inesquecíveis. Nos estados do Sul do país a sanfona é mais conhecida como gaita.

Por fora a sanfona é composta basicamente por três partes. O teclado é o responsável pela melodia das músicas. O fole, que no movimento de abre e fecha do braço, puxa e sopra o ar para saída das notas e o  baixo com possui um som mais grave que faz a marcação das composições.

Além do Glorioso Luiz Gonzaga, a sanfona também é muito conhecida pelo consagrado forrozeiro Dominguinhos, músico que tinha o talento de fazer a sanfona “chorar” em suas mãos. Dominguinhos era muito conhecido de praticamente toda a população brasileira, devido ao grande aparecimento nos mais diversos programas de televisão

A Sanfona no Sertanejo

A sanfona também é um instrumento muito importante na música sertaneja. Entre os principais sanfoneiros que se destacaram e ainda se destacam podemos citar o Maestro Pinochio, Xodozinho, Marcelo Dias, Vicente de Carvalho e Agostinho do acordeom.

 

Continue acompanhando o Blog Evidência Sertaneja para saber mais curiosidades da música sertaneja.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *